As relaçoes de consumo

As pessoas estão com muito medo da crise e os impactos que essa crise vai causar atingirá a maior parte dos negócios, principalmente os negócios pequenos.

Eu acredito que nessa fase novos tipos de consumo vao surgir pra ocupar o lugar dos antigos ja que a necessidade e desejo das pessoas de consumir continuará existindo ou pode até aumentar.

Causa 1: uma parte das pessoas terá mais dinheiro disponível. Aquele seu amigo que antes estava gastando dinheiro na balada, restaurantes, valet, gasolina vai começar a ver um dinheirinho adicional na conta que poderá ser utilizado na compra de produtos, cursos, livros e comida em casa!

Causa 2: pessoas estarem mais carentes, mais solitárias, mais estressadas e deprimidas. Para preencher esse vazio é fato que pessoas irão comprar novos itens. Como diz Seth Godin no livro “This is marketing” as pessoas não compram um produto elas compram o sentimento de segurança, afeto e respeito que aquele produto fornece pra elas. Seu amigo já deve estar olhando o preço do Playstation 4 na Amazon hoje mesmo. E ele nem joga videogame.

É o fim do mundo mas não é o fim do mundo.

Se você tem um restaurante o movimento que vai acontecer é:

1 O salão vai esvaziar e todo mundo vai pro delivery (portanto tenha um delivery implementado).
 
2 Na sequência as pessoas vão começar a paranóia de pensar se é seguro ou não comer no delivery. Portanto essa é a hora de mostrar que de fato a galera da sua cozinha está usando máscaras, lavando a Mao usando álcool gel e tomando precauções da NASA pra não contaminar a comida. Faça vídeos. Mostre isso ao seu cliente se não ele não vai confiar.

3 Muito em breve até os deliveries serão desligados e boa parte dos seus funcionários não se sentirão seguros. Essa é a hora de pensar em como continuar. Que tal fazer kits de comida com seus ingredientes, sabores e molhos pro cliente fazer em casa? Da pra você se inspirar no Kosho Box de comida Japa ou no Kit Hambúrguer do Debetti.

4- Antes você não tinha tempo pra nada porque estava com a barriga no balcão, aproveite esse momento de mais tempo livre e foque em construir autoridade, volte a cuidar ativamente das suas redes, informe o seu publico, faça lives mostrando o processo de fabricação, invente um curso. Tudo isso vai voltar quando a crise acabar.

5- Aprenda sobre anúncios!  Se você ainda não faz, está perdendo um mercado gigantesco que pode te ajudar nesse momento de crise.

Estamos vivendo um choque mas quem tiver jogo de cintura e flexibilidade pra entender a oportunidade que existe na mudança pode se dar Muito Bem.

Deixe um comentário